O que é marca e o conceito de imagem da empresa

Você já faz parte do nosso grupo no Facebook? tire dúvidas, atualize-se e muito mais agora mesmo! Entrar no Grupo.

Uma marca gera confiabilidade, segurança, presença, individualidade e diversos outros benefícios quando bem elaborada, entenda:

Quando o assunto é desenvolvermos um novo produto ao mercado ou simplesmente para fazer a divulgação de algo um dos primeiros pensamentos é justamente a criação de uma marca para representar aquilo que estamos criando para à sociedade, embora muitas pessoas queiram por erro pensar imediatamente em um nome especifico e por consequência um logo não é isso que significa uma marca, um signo que represente a empresa deve levar muito mais informações ao consumidor e dizer muito mais que uma simples mensagem de venda rápida, nesse artigo vamos discutir um pouco sobre o que é marca e o conceito de imagem de uma empresa e o que isso representa de benefícios para a própria empresa em ganhos financeiros em pequeno, médio e longo prazo mas vamos começar pelo essencial;

O que é uma marca e porque todo negócio deve possuir uma?

O que é marca

Marca nesse sentido podemos descrever como o modo qual é colocado e sintetizado conceitos pré-estabelecidos por nós mesmos a algo, hoje popularmente designado a empresas, produtos, organizações e até mesmo pessoas, a marca serve como uma especie de identidade única que diferencia e traz ao consumidor a possibilidade de escolha de acordo com suas preferências e gosto pessoal, uma marca em geral é representada por um signo, um logo, no âmbito do design gráfico uma marca é representada por formas geométricas e letras (ou mesmo apenas uma das opções) que tragam a representação de algo, sendo assim utilizada essa representação gráfica para representar o produto criado no mercado consumidor.

A marca cria certa expectativa em seu consumidor devido a uma série de atributos que trazem ou podem vir a trazer os seguintes significados:

  • Atributos – traz a mente do usuário certas características .
  • Benefícios – podem vir em forma desde benefícios funcionais até emocionais.
  • Valores – transmite os preceitos da empresa.
  • Personalidade – a marca pode transmitir certa personalidade
  • Cultura – a marca pode representar uma cultura
  • Usuário – a marca pode definir seu público consumidor alvo.

A marca tem como principal elemento o nome para identificação e esses nomes mais popularmente utilizados nos seguintes tipos:

  • Patronímico – marcas com nome de seu fundador;
  • Sigla –  nomes que resultam da transformação do nome de uma empresa numa sigla própria;
  • Evocativo – nome se assemelha a categoria que o produto está inserido;
  • Marca de fantasia -nomes com significado prévio;
  • Marca de família – nome constituído com um prefixo ou um sufixo tirado da marca institucional;
  • Somatório de nomes – nomes que evitam propensão de nomes repetidos devido a reestruturações;
  • Conceitual – um nome que até então não existia e passa a ser sinônimo da empresa ou produto.

Qual o conceito de marca?

Definir marca de uma maneira extremamente direta pode ser algo complicado devido a complexidade e coisas que o termo “marca” traz consigo, podemos ver algumas definições famosas e partir delas tirarmos coisas essenciais que devem ser observadas na criação de toda marca atualmente;

“Uma marca é a soma intangível dos atributos de um produto: o seu nome, embalagem e preço; a sua história, reputação e a maneira pela qual é comunicada. É ainda definida pelas impressões e experiências de quem as usa”
(David Ogilvy) 1995

Já Stephan King (1999, WPP Group, Londres) diz: “Um produto é qualquer coisa fabricada numa fábrica; um produto pode ser copiado por um concorrente; uma marca é única, um produto pode perder o seu valor muito rapidamente; uma marca é eterna”

Com isso podemos ver que uma marca tem de trazer todos os elementos correspondentes a história, ideia, nicho de mercado de uma empresa e não deve ser confundida somente com um simples logo e um “nome impactante” ou os produtos desenvolvidos, uma marca deve se tornar mais que isso, ela deve se sobressair ao que desenvolve mesmo que isso leve algum tempo para que essa organização não venha vir a acabar caso o produto/serviço em questão deixe de ser útil, uma marca deve ter o pensamento de reinvenção, no seu desenvolvimento deve-se pensar no que essa marca representa e almeja representar, também é necessário pensar em como fundamentará suas ações para que consiga exito em seu objetivo, hoje podemos ver muitos exemplos de marcas que conseguem excelentes resultados somente com seu nome e tradição no mercado, superando o valor da marca ao real valor dos produtos que ele desenvolve, veremos alguns exemplos mais adiante para inspiração.

O que deve realmente ficar gravado em nossas cabeças é que a imagem que uma marca representa é de uma importância absurda para os negócio pois ela simboliza um grande “tudo” da empresa, seus ideais, sua qualidade, seu conceito, o conceito de seus produtos, sua tecnologia, seu modo de atender o cliente, suas particularidades únicas que cada empresa possui e muito mais, ou seja, basicamente tudo que o cliente pensa e vê a respeito, por isso o zelo com a marca deve ser algo constante da mente dos empresários e empreendedores.

O Marketing e a marca.

Depois de todo o trabalho no desenvolvimento da marca, o pensamento com a boa identidade visual, a criação de um bom logo é importante pensar no marketing que será todo desenvolvido a partir daquelas ideias e ao analisar e mensurar o mercado consumidor temos uma ampla ideia sobre que caminho seguir na propagação do nome da empresa entre os clientes, uma boa marca para conseguir um bom trabalho de marketing deve possuir todos os requisitos citados acima para evitar problemas quanto a divulgação e nesse processo deve se manter uma constante preocupação com tudo a qual a marca se associa.

O valor de uma marca

Uma marca como já dito antes pode ter um valor diferente até mesmo muito superior ao real valor dos produtos que ela disponibiliza, o que é muito comum! O termo Brand Equity se refere ao calculo desse valor, seja de uma só empresa ou conjunto de empresas de determinado grupo empresarial, alguns exemplos de marca que conseguem valores exorbitantes no mundo todo podem ser: Apple (empresa de tecnologia ligada ao desenvolvimento de softwares e hardwares para computadores,smartphones etc.) Microsoft (Empresa ligada a criação de sistemas operacionais e softwares para computadores) Google (empresa de tecnologia digital iniciada com um site de buscas que se tornou o mais utilizado do mundo) Heinz (Empresa tradicional do ramo alimentício que tem como carro chefe seu ketchup conhecido internacionalmente).

A marca pode ser considerada a cara de empresa, assumindo assim sua identidade física ou formal, trazendo com ela toda uma história desde o momento que é criada.

Para tornar o processo de criação de logotipos simples e cômodo, você pode usar o Gerador de Logo da Logaster. Basta inserir o nome do seu site e o serviço que você oferece para ele criar dezenas de opções de logos. Você pode escolher o logotipo que você mais gostar e editá-lo.Logaster logo

Você pode baixar gratuitamente o logotipo em um tamanho pequeno. Se você precisar do logo em um tamanho maior (nos formatos raster ou vetor), você poderá baixá-lo após pagamento. O custo é de $9,99. O logo estará disponível nos formatos SVG, PNG, PDF e JPEG.

Referências: Ideia de Marketing, Evef, Wikipedia, Marketing de conteúdo

Compartilhe!